IRPF 2019: Qual a documentação necessária e quanto pode pesar a multa

A multa por não entrega da declaração pode ser realmente salgada em 2019. Por isso é preciso que ela seja entregue dentro do prazo.

Para isso a CONNECT ORGANIZAÇÃO CONTÁBIL organizou uma lista com os documentos que você precisa para fazer a sua declaração. Nossa equipe está a postos para lhe ajudar. Mas não deixe  para os últimos dias, pois talvez sua declaração não fique pronta a tempo.

A grande vantagem de realizar a sua declaração através de um contador é a assessoria com a documentação e também com o acompanhamento da mesma, que continua mesmo depois  ser entregue, o que permite em alguns casos uma retificação.

A equipe CONNECT pode lhe fornecer todas as informações sobre nossos serviços através de nosso whatsapp 41 9 9264-6280.

CALENDÁRIO

O prazo final termina às 23h59 do dia 30 de abril.

MULTA

Entrega após o prazo final estará sujeito ao pagamento de multa, que pode variar de R$ 165,74 a 20% do imposto devido, mais juros de mora.

Só estão isentos da multa os contribuintes que não são obrigados a apresentar a declaração do IR. O contribuinte que perder o prazo não precisa se preocupar com o cálculo da multa. O próprio programa do IR calcula o valor do Darf (documento para pagamento do imposto no banco) automaticamente, com base no dia de entrega da declaração.

DOCUMENTAÇÃO

  • CPF, título de eleitor, comprovante de residência
  • Informe de rendimento salarial
  • Informe de rendimento bancário
  • Comprovante de renda (Heranças, doações, saques do FGTS, etc.)
  • Recibos e notas fiscais de gastos com saúde e educação
  • Comprovantes de aluguel
  • Recibo de consultório autônomo
  • Comprovante de remessa ao exterior
  • Dependentes (nome, data de nascimento, CPF, grau de parentesco)
  • Recibo ou depósito de pensão alimentícia
  • Recibo de pagamento de INSS de empresada doméstica
  • Nota fiscal ou recibo de veículos (com data de venda, nome e CPF de comprador)
  • Registro de imóveis

Posted in Blog.